Repositório de recursos e documentos com interesse para a Genealogia

Logo

  • Primeiros passos em Genealogia: como começar, onde pesquisar, recursos disponíveis e outras informações.

  • Apelidos de família: de onde vêm, como se formaram.

  • Índices de passaportes, bilhetes de identidade, inquirições de genere e outros.

18 de outubro de 2016

18 de outubro de 2016 por Genealogia Fb comentários

Descubra as suas origens – Manual de Genealogia e História da Família
Francisco Queiroz e Cristina Moscatel
Lisboa: A Esfera dos Livros, 2016, 278 páginas
Os autores escrevem segundo o anterior Acordo Ortográfico

Uma das principais dificuldades sentidas por quem deseja iniciar a pesquisa dos seus antepassados, é a localização de informação credível que sirva de orientação sobre os passos a dar no longo caminho da pesquisa genealógica. Para quem optava por procurar nas livrarias um manual de Genealogia, a busca revelava-se infrutífera, uma vez que o único manual credível mais recente, publicado em 1996, encontra-se esgotado. Com as novas tecnologias ao alcance de qualquer pessoa, o primeiro gesto é, inevitavelmente, abrir a página de um motor de pesquisa e inserir os termos que nos parecem mais apropriados. É desta forma que ficamos a saber da existência de fóruns, blogues e páginas do Facebook onde é possível obter ajuda. Existem, no entanto, vários níveis de qualidade de informação na oferta em linha. Ao iniciante colocar-se-á o problema de saber escolher fontes de informação e comunidades de entreajuda com um bom nível de qualidade, que sejam simultaneamente acolhedoras e inclusivas, sem elitismos e preconceitos em relação às origens e nível cultural de cada um. 



Tendo presentes estas dificuldades, os autores reúnem neste manual, ao longo das suas 278 páginas, informação sobre pesquisa, interpretação e organização de dados. Escrito numa linguagem acessível, para além de informação técnica, contém conselhos e advertências sobre diferentes aspectos da pesquisa e elaboração da história da família, desfazendo mitos comuns, factos que se conjugam para colocar o iniciante em Genealogia no caminho certo. 

Seguindo o percurso ideal, parte da pesquisa nos paroquiais para outro tipo de fontes, algumas pouco conhecidas ou exploradas por genealogistas profissionais, como é o caso dos livros da décima, para listar apenas um dos exemplos já abordados neste blogue, sem esquecer a importância das fotografias, fonte que costumamos ver negligenciada como repositório de informação genealógica, mais profunda do que o mero aspecto físico dos indivíduos.

No segundo capítulo, dedicado à interpretação dos dados, são abordados temas que frequentemente confundem e induzem em erro os iniciantes, como a questão da origem dos apelidos, que os autores explicam em detalhe, abreviaturas e expressões antigas, assim como a Heráldica.

O último capítulo foi reservado para a organização da informação recolhida. Alguns leitores mais experientes poderão discordar de alguns aspectos relativos à utilização de processadores de texto e programas de Genealogia. São apontados aspectos importantes da utilização de meios informáticos, assim como cuidados a ter com a colocação de dados online.

Na última página encontramos uma pequena lista de recursos em linha, que inclui este blog, incentivo à continuidade do nosso trabalho. É também listado o tombo.pt, projecto sucessor da página mantida (entretanto descontinuada) da Rita van Zeller, que poderia ter sido mencionado com algum detalhe no primeiro capítulo, visto tratar-se hoje do principal portal de pesquisa de registos paroquiais.  

Rico em exemplos e detalhes, encontramos neste manual muita informação veiculada pelos recursos em linha fiáveis, com a vantagem de a vermos aprofundada e acrescida de conhecimento, baseado não só na formação académica dos autores, mas também na sua experiência de trabalho em Genealogia, tornando-o numa ferramenta útil também para genealogistas mais experientes. Tal como afirmou Francisco Queiroz no grupo do Facebook associado a este blogue, trata-se de um guia para ser sublinhado e anotado, ao qual o leitor pode regressar conforme vai progredindo a sua pesquisa. 

Publicado em:

2 comentários:

  1. Parece ser um livro muito interessante. É possível comprá-lo online?
    Paulo R Martins

    ResponderEliminar
  2. Se fizer uma pesquisa no Google pelo título e autores, deverá encontrá-lo à venda nas lojas online.

    ResponderEliminar

Biblioteca
Videoteca